Escolas Técnicas e Universidades

A Bahia possui 11 centros universitários profissionalizantes

Os centros de formação profissional e as escolas técnicas contam com a parceria do Governo Estadual na qualificação e formação de mão de obra. Os treinamentos ocorrem nos mais diversos níveis, desde a formação de operadores até o mestrado, nas mais diversas áreas– da construção civil à biotecnologia.

A Bahia possui os seguintes Centros Tecnológicos: IFBA; SENAC; SENAI; SENAI/CETIND; SENAI/CIMATEC; e SENAR, distribuídos em 48 Unidades em todo o Estado, 109 faculdades e 11 centros universitários profissionalizantes.

No total, são 134 cursos de mestrado e 54 de doutorados nas diversas áreas do conhecimento. Na área de engenharia, há 16 mestrados e seis doutorados.

SISTEMA S
Para ajudar na qualificação e na formação profissional de seus empregados, os empresários têm no Sistema S um forte aliado. Formado por organizações criadas pelos setores produtivos (indústria, comércio, agricultura, transportes e cooperativas), as entidades oferecem cursos gratuitos em áreas importantes da indústria e comércio. É formado pelo conjunto de organizações das entidades corporativas voltadas para o treinamento profissional, assistência social, consultoria, pesquisa e assistência técnica, que além de terem seu nome iniciado com a letra S, têm raízes comuns e características organizacionais similares. Fazem parte do sistema S: Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai); Serviço Social do Comércio (Sesc); Serviço Social da Indústria (Sesi); e Serviço Nacional de Aprendizagem do Comércio (Senac). Existem ainda os seguintes: Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar); Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop); e Serviço Social de Transporte (Sest)

> SENAI

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) tem como missão promover a educação profissional e tecnológica, a inovação e a transferência de tecnologias industriais, contribuindo para elevar a competitividade da indústria baiana. Entre as suas áreas de atuação estão a educação profissional, a prestação de serviços técnicos e tecnológicos, a pesquisa aplicada e a consultoria. O SENAI-BA está vinculado ao SENAI Nacional, braço educacional do Sistema CNI (Confederação Nacional da Indústria). Na Bahia, integra o Sistema FIEB, tendo à frente a Federação das Indústrias do Estado da Bahia.

Crédito: Carol Garcia / GOVBA

> SENAI CIMATEC
O Centro Universitário Senai Cimatec é reconhecido pelo MEC/INEP, nas últimas quatro avaliações anuais do Índice Geral de Cursos, como melhor instituição de ensino superior em engenharia do Norte/Nordeste. Trata-se, portanto, da formação de pessoal de alto nível e suporte à inovação e solução de problemas complexos da indústria, com a possibilidade da vivência prática em projetos de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação, contando com a parceria de empresas e outras instituições nacionais e internacionais, além de uma moderna infraestrutura.

>SESI
O Serviço Social da Indústria oferece na Bahia formação de qualidade, contextualizada com o mundo do trabalho. Busca diversificar a oferta de educação básica regular para jovens e adultos, articulada com educação profissional e educação continuada com diferentes cursos focados em competências alinhadas às estratégias das empresas e ajustada às necessidades atuais e futuras da indústria. Integra o Sistema da Federação das Indústrias do Estado da Bahia – FIEB.

› SENAC
O Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) é uma instituição privada sem fins lucrativos que foi criada com o intuito de proporcionar a formação de menores aprendizes e a qualificação profissional de adultos. A instituição é vinculada à Confederação Nacional do Comércio e tem como missão educar para o trabalho em atividades de comércio de bens, serviços e turismo.

 

Clique aqui e saiba onde as escolas técnicas estão localizadas nos municípios da Bahia.